A Parábola do Joio e do Trigo

Estudos Bíblicos06 Outubro, 2012Por Israel do Nascimento Silva


A Parábola do Joio e do Trigo, no livro de Mateus cap. 13:24-30, está intimamente ligada à parábola do semeador. Jesus estava às márgens do Mar da Galiléia, com seus discípulos e de um barco, afastado um pouco da margem, ensinava a uma grande multidão na praia.

O Mestre descreve um quadro dramático que revela verdades, ocultas desde a fundação do mundo.

O joio, planta que o inimigo semeou no campo de trigo, chama-se Lolium temulentum, abundante na Palestina e na Espanha. Produz grãos semelhantes aos do trigo, porém menores, de cor mais escura, e cuja farinha mesclada com a do pão, em grande quantidade, produz vertígens e convulsões.

"Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao homem que semeia a boa semente no seu campo"; Mateus 13:24
"Mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, e semeou joio no meio do trigo, e retirou-se. E, quando a erva cresceu e frutificou, apareceu também o joio."
Mateus 13:25-26

No primeiro período de crescimento, o joio é muito parecido com o trigo, e mesmo os mais experientes teriam dificuldade para distingui-los. Mas quando a espiga desabrocha do pé, até mesmo uma criança vê a diferença entre uma planta e outra. Então, a separação pode ser feita com facilidade na época da colheita.

joio e o trigo parábolaA Parábola do Joio e do Trigo.

Seja Bacharel em TEOLOGIA! Curso Completo e Sem Mensalidades!

Jesus nos revela nesta parábola, fatos dramáticos acerca do mundo espiritual, onde há uma verdadeira batalha invisível, mas real. O Mestre nos avisa que o responsável pela semaeadura do joio é o próprio malígno.

As forças do mal combatem para seduzir o homem ao pecado, injustiças e induzem a desobediência à Deus, tentando semear essas coisas no coração humano. É no coração, sede da vontade, emoções e inteligência, que o mal quer "semear o joio".

Uma das razões pelo qual Salomão já nos avisa desde muito tempo: "De tudo que deves guardar, guarda o seu coração".

"Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida." Provérbios 4:23

Jesus em sua explicação da parábola do joio e do trigo, afirma que a boa semente e o trigo, são representações dos filhos do reino. Porém o joio representa os filhos do maligno. Assim podemos melhor relacionar e entender as características dos Joio-Homens e dos Trigo-homens.

"E ele, respondendo, disse-lhes: O que semeia a boa semente, é o Filho do homem; O campo é o mundo; e a boa semente são os filhos do reino; e o joio são os filhos do maligno;" Mateus 13:37-38
"O inimigo, que o semeou, é o diabo; e a ceifa é o fim do mundo; e os ceifeiros são os anjos. " Mateus 13:39

A Parábola do Joio e do Trigo também ilustra um padrão de intolerância religiosa que existia em Israel. A tendência natural dos trabalhadores do campo, era arrancar o joio, limpando o campo de trigo. Mas seria impossível fazer isso, sem que se prejudicasse o trigo também.

Jesus não queria que a intolerância religiosa judaica fosse inserida no cristianismo evangélico. Mas o Mestre deu a boa ordem: "E os servos lhe disseram: Queres pois que vamos arrancá-lo? Não; para que, ao colher o joio, não arranqueis também o trigo com ele."

O Mestre nos mostra que não nos cabe julgar quem é trigo-homem e quem é joio-homem. Muito menos separá-los antes da colheita, isto cabe ao dono da fazenda, o Senhor.

A separação é uma tarefa divina. A vida dos trigo-homens, tem que ser protegida a todo custo!

Características do Joio-Homem

Sem dúvida o poder dos joio-homens está na imagem. Eles meio que praticam um "estelionato espiritual" de aparências. O joio parece ser trigo, mas não é. O joio quer ser, tem aparência de que é, sem ser.

campo de trigo com joioO Joio Foi Semeado no Campo de Trigo. Ilustração.

Seja Bacharel em TEOLOGIA! Curso Completo e Sem Mensalidades!

Por isso o joio-homem se preocupa demasiadamente com sua imagem e reputação. O joio é moralista religioso, judicioso, preso ao pé da letra da lei, meticuloso em busca dos erros dos outros.

O joio é politicamente correto, se escandaliza com qualquer pecado alheio, sem misericórdia. Cheio de aparência do que é ético, do que é justo. E se gloria disso, e se auto-afirma pra todo mundo saber da sua pseudo santidade.

Mas interiormente ele nada tem de fato de santidade. Seu coração está cheio de perversidade e engano. Nas "escondidas", quando ninguém está vendo, ele faz tudo que condena nos outros.

Ele é um "santo na igreja", mas em casa, cheio de arrogância, trata mal a esposa, não dá atenção aos filhos, é negligente com os pais, não ajuda a seus irmãos. É mau vizinho, mau funcionário na empresa, mas enxerga defeitos em todos a sua volta.

E ninguém pode reclamar dele, sua imagem não pode ser "arranhada", afinal, ele vive dela, ele vive de aparência.

Um exemplo era o campo de Israel. Uma nação que veio da boa semente da fé, mas tornou-se em joio-religioso, liderada pela aparente santa imagem dos fariseus e demais doutores da lei. Toda aquela aparência de santidade, escondia o desprezo por um povo carente e a vontade homicida que estava no coração deles.

"Vós tendes por pai ao diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai. Ele foi homicida desde o princípio, e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele. Quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso, e pai da mentira." João 8:44

E os fariseus achavam que eram eles quem tinham o poder de separar o joio do trigo. E acreditaram tanto nisso que, por final, se tornaram em joio e foram rejeitados por Deus.

Características do Trigo-Homem

A característica principal do trigo é "ser", em essência. O trigo "é". Isso faz referência à um Deus que assim se define: "Eu sou o que sou". Não precisa parecer justo, não se preocupa em demasia com sua própria imagem, mas se necessário for, "entra na casa de pecadores e come com eles", por amor.

"E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU." Êxodo 3:14

A maior virtude dos filhos do reino é o amor. Por isso estão cheios de misericórdia e perdão. Eles sabem que só são o que são, pela graça de Deus, que se fez pecado por nós. Isso vem de Deus, se nada temos de nós mesmos, não precisamos de aparência, mas somente de sermos transformados em nossos corações.

Mas Deus prova o seu tão grande amor por todos os seres humanos, que manda não arrancar o joio. Acredito que isto é um mistério, pois no mundo vegetal, joio é joio e trigo é trigo, porém no mundo espiritual tudo pode ser transformado, até o joio.

Para os homens é impossível, mas para Deus tudo é possível. Deus pode transformar o joio em trigo e usá-lo poderosamente na sua obra. Por isso não devemos cessar de orar pelos joio-homens, mas entregá-los nas mãos do pai, com súplicas de perdão.



Leia Também:

 pé de mostarda
A Parábola do Grão de Mostarda
trata do evangelho do Reino, comparando-o à uma
o semeador
A Parábola do Semeador
A Parábola do Semeador é de uma beleza tal que se chega à mais graciosa
Multiplicação dos Pães e Peixes
Deus pode usar, multiplicar e te fazer prosperar
Comentários



Warning: mysql_query() [function.mysql-query]: Access denied for user 'root'@'localhost' (using password: NO) in /home/rudecruz/public_html/joio-trigo-parabola-estudos-biblicos-evangelicos.php on line 287

Warning: mysql_query() [function.mysql-query]: A link to the server could not be established in /home/rudecruz/public_html/joio-trigo-parabola-estudos-biblicos-evangelicos.php on line 287

Warning: mysql_close(): no MySQL-Link resource supplied in /home/rudecruz/public_html/joio-trigo-parabola-estudos-biblicos-evangelicos.php on line 310